Directório das Igreja em Portugal

ALCABIDECHE
Rua Dr. Azeredo Perdigão, 232 - Alcoitão
2645 ESTORIL

Pastor: Josué Reis
             TM: 936 114 509
             
ALHOS VEDROS
Rua Duarte Pacheco, 30
2860 MOITA
Pastor: Rev. João Filipe Gonçalves
             TEL: 21 494 7537

ALMADA
Rua D. Sancho I, 30 – B
2800 ALMADA
Pastor: Rev. Adalberto Leite
             TM: 966 630 673

AMADORA
Rua António Feijó, 20 – 2º Dto.
2700-072 AMADORA
Pastor: Rev. João Filipe Gonçalves
             TEL: 21 494 7537

BAIXA DA BANHEIRA
Rua Padre José Feliciano, 56
2830 BAIXA DA BANHEIRA
Pastor: Rev. João Filipe Gonçalves
             TEL: 21 494 7537

BRAGA
Rua Cónego Manuel Faria, 71
4700-217 BRAGA
Pastor
Timóteo Pereira
             TM: 
918 684 484

CASAL NOVO
Rua Soeiro Pereira Gomes, 692-693 - Casal Novo
1685-170 FAMÕES
Pastor: Revª Albertina de Jesus Leite
             TM: 964 051 196


COSTA DO SOL
Av. dos Maristas, 459 – C/V
2775-243 Parede
Pastor: Rev. Mário Lima
             TM: 966 508 164

LISBOA
Av. Óscar Monteiro Torres, 44 A-B
1000-219 LISBOA
Pastor: Rev. João Pedro Pereira
             TM: 962 548 776


PORTIMÃO
Ministro Local: Maria Alina Ligeiro
                           TM: 969 306 180

PORTO
Rua Adolfo Casais Monteiro, 26-r/c
4050-013 PORTO
Pastor: Timóteo Pereira
              TM: 918 684 484

PÓVOA DE SANTA IRIA
Av. da Liberdade, 10
2625-022 PÓVOA DE STA. IRIA
Pastor: Rev. António Joaquim Vera-Cruz
             TM: 938 350 093


QUELUZ
Rua Afonso de Albuquerque, 13-15
2745-057 QUELUZ
Pastor: Rev. Fernando Sousa
             TM: 962 503 267

SANTA APOLÓNIA
Estrada Adémia, Eiras

Armazém 7 - Ribeira de Eiras
3020-000 COIMBRA
Pastor: Marco Carvalho

             TM: 913 612 624

SANTA CLARA
Calçada de Santa Isabel, 42 – R/C - Santa Clara
3040-270 COIMBRA
Pastor: Rev. Fortunato Lima
             TM: 962 936 157

SÃO JOÃO DA MADEIRA
Rua Antero de Quental, 68, - Parrinho
3700-037 S. JOÃO DA MADEIRA
Pastor: Rev. Márcio de Souza
             TM: 917 729 782

 -----------------------------------------
CONCAFÉ
Rua Abade Faria, 8, - Mercês
2725-475 MEM MARTINS
Responsável: Krystal Loeber
                        TM: 969 969 518

Pastores e ministros licenciados em Portugal

Rev. Adalberto LEITE - (Pastor)
TM: 966 630 673
adalbertoleite55@hotmail.com

Revª Albertina de Jesus LEITE - (Pastora)
TM: 964 051 196

albertinaleite@netcabo.pt

Revª Ana Sara RODRIGUES
TM: 966 460 098

pastoraanasara@hotmail.com

Rev. António Joaquim VERA-CRUZ - (Pastor)
TM: 938 350 093

ajveracruz@sapo.pt

Rev. Danilo Ulisses CARVALHO - (Missionário)
TM: +244 929761329

dufreire@hotmail.com

Rev. Fernando Mário ALMEIDA - (Missionário)
TM: 919 611 993

Rev. Fernando Monteiro Lopes de SOUSA - (Pastor)
TM: 962 503 267

fernandomonteirosousa@gmail.com 

Rev. Fortunato LIMA - (Pastor)
TM: 926 187 163
limafcs@gmail.com

Rev. João Filipe GONÇALVES - (Pastor)
TEL: 21 494 7537

Rev. João Pedro PEREIRA - (Pastor)
TM: 962 548 776

pereira.jopedro@gmail.com

Rev. Joaquim João LIMA
TM: 919 456 466

de_lima@clix.pt

Rev. Márcio de SOUZA - (Pastor)
TM: 912 455 046 

pr_marciosouza@hotmail.com

Revª Maria Manuela VERA-CRUZ
TM: 934 666 519
m.manuelaveracruz@sapo.pt

Rev. Mário LIMA - (Pastor)
TM: 966 508 164
madasilima@sapo.pt

Rev. Miller GUEVARA - (Pastor)
TM: 925 282 981
millerg_7@hotmail.com

Josué REIS - (Pastor)
TM: 936 114 509
josue.camargo.reis@gmail.com

Marco CARVALHO - (Pastor)
TM: 913 612 624
macarpt@hotmail.com

Timóteo PEREIRA - (Pastor)
TM: 918 684 484
timoteopereira45@gmail.com  

Raquel Espinhal PEREIRA - (Educadora)
TM: 962 327 447
easyin4@gmail.com

Conheça a "IGREJA DO NAZARENO"

A Igreja do Nazareno é parte da Igreja Cristã, protestante, e de linhagem Wesleyana. Esta afirmação chama à atenção elementos chaves de nossa identidade.


Primeiro, a Igreja do Nazareno é uma Igreja Cristã Evangélica. Isto pode parecer óbvio, mas é o fundamental ponto de partida. Desde os seus primórdios a Igreja do Nazareno confessa ser um ramo da “única Igreja Santa, Universal, e Apostólica”. Aceitamos e endossamos os credos, redigidos nos primeiros séculos da história da Igreja Cristã, como expressões da nossa fé e identidade.


Isto significa que a Igreja do Nazareno abraça como sua, a história daqueles redimidos pela graça, por meio do Senhor Jesus Cristo, através dos séculos. Assim, nossa genealogia começa descrita no Antigo Testamento, destaca-se no Novo, e prossegue por toda a história, e acompanha todos os crentes fiéis, espalhados por todo o mundo.


A Igreja do Nazareno sabe que tem uma missão especial, dada por Deus. Entretanto, para compreendê-la procura arraigar-se, firmemente, dentro da extensa corrente de fé e prática do cristianismo, abalizado pelo ensino das Sagradas Escrituras.


A Igreja do Nazareno é uma Igreja Protestante. Isto significa que seu carácter é nitidamente forjado pela Reforma Protestante, do século XVI. Neste amplo movimento de restauração da Igreja Cristã, vários pontos doutrinários, cruciais foram resgatados.


Reafirmou-se que a Bíblia é a autoridade final da definição de nossos postulados. A salvação é uma dádiva da graça de Deus, não uma conquista humana, por meio de boas obras. Os nazarenos se encontram entre aqueles que acreditam que Deus oferece sua graça a todas as pessoas. Todos podem ser alcançados pela redenção. Todos os crentes têm o privilégio e a responsabilidade de actuar como “sacerdotes” (Sacerdócio Universal), relacionando-se com Deus pela mediação do Senhor Jesus Cristo.


A Igreja do Nazareno abraça cada um desses princípios da reforma, e junta-se a outras denominações que preservam o mesmo legado. Isto está refletido nos seus artigos de Fé, no perfil de nossas congregações locais, e no testemunho dos crentes.


A Igreja do Nazareno é marcada, em sua identidade, pela herança Wesleyana. O avivamento do século XVIII, impulsionado por John e Charles Wesley, foi parte de um movimento maior, de abrangência mundial, que fomentou uma renovação espiritual, a partir da Igreja da Inglaterra.


Entre as contribuições distintivas do avivamento wesleyano, está a ênfase na experiência pessoal com o Espírito Santo; na importância da santificação dos crentes, ou seja, no crescimento espiritual, gradual rumo à semelhança de Cristo. A busca pela santidade foi o aspecto central na composição de grandes, médios e pequenos grupos de comunhão, que John Wesley organizou por toda a Inglaterra e além. Mais tarde, esses grupos desenvolveram-se institucionalmente, dando origem a Igreja Metodista. Esta, logo se espalhou por várias partes do mundo, especialmente pela América do Norte.


Finalmente, a Igreja do Nazareno é uma Igreja de “Santidade”. Nossa Igreja cresceu no meio de focos de avivamento, nos Estados Unidos, na segunda metade do século XIX. O anseio por uma vida incorrupta aqueceu o coração de inúmeros crentes, metodistas e outros. Retiros especiais em áreas rurais, e trabalho missionário arrojado, foram evidências de um extraordinário despertamento.


Eventualmente, as fronteiras denominacionais foram transpostas. Isso resultou na formação de algumas igrejas independentes, cuja caracterização básica era o apego à santidade ética e comportamental. Os membros dessas igrejas vieram de grupos de diferentes posições teológicas: metodistas, batistas, presbiterianos e outros.


O fundamento da Igreja do Nazareno foi edificado pela união de vários destes grupos independentes. Essas junções ocorreram, periodicamente desde 1890. Em 1908, ano chave no processo de união, alguns adicionamentos vitais aceleraram o processo, que culminou na fundação oficial da Igreja. Ao longo da história recente, outras incorporações ainda têm ocorrido.


A Igreja tem-se expandido mundialmente, devido a programas missionários vigorosos. Isto a projetou, como uma Igreja de visão global, que ministra em mais de cento e cinqüenta diferentes países. A Igreja do Nazareno, como outras denominações, têm seu próprio “ramo” na grande “árvore genealógica!” da Igreja Cristã. Como nazarenos, não deixamos de proclamar, que no centro unificante, no tronco, está o Senhor Jesus Cristo, o Senhor da Igreja Universal, dos primogênitos arrolados nos céus.
Somos pois...


... um Povo Cristão - Como membros da igreja de Cristo, ao redor do mundo, unimo-nos aos verdadeiros cristãos na proclamação do senhorio de Jesus Cristo.


... um Povo de Santidade - Deus que é santo chama-nos a uma vida de santidade. Cremos que o Espírito Santo deseja efetuar em nós o batismo com o Espírito Santo.


... um Povo com uma Missão - Somos um povo enviado que responde à chamada de Cristo, capacitado pelo Espírito Santo, para ir ao mundo testificar do senhorio de Cristo e também participar com Deus na construção da igreja e na extensão de Seu Reino.

video

Conferência WestMed

Oportunidade a não desperdiçar. Conferência do campo Mediterrâneo-Ocidental, a ser realizada em Portugal, de 26 a 29 de Abril de 2012.
Queira aceder ao site http://onebyone2012.com/pt e inscrever-se online.
João Pedro Pereira

IGREJA MISSIONAL

Os termos "missional" e "igreja missional" tem aproximadamente dez anos de idade. Mais e mais pessoas estão falando sobre igrejas missionais. O que é realmente esta moda que alguns estão identificando como o maior desenvolvimento no Cristianismo desde a Reforma?

O movimento missional, de muitas maneiras, é uma força contrária à maneira tradicional das igrejas. Em vez de estar focalizada nos programas, a igreja missional se orgulha de estar focalizada nas pessoas. "Missional é um estilo de vida, não uma afiliação ou actividade", explica o especialista Reggie McNeal em seu novo livro Missional Renaissance: Changing the Scorecard for the Church. "Pensar e viver missionalmente significa ver a vida como uma maneira de estar envolvido com a missão de Deus ao mundo. A compreensão missional do Cristianismo desfaz o Cristianismo como religião", escreve McNeal.

As três principais mudanças no pensamento e comportamento são:

1. Foco ministerial interno para externo;
2. Desenvolvimento de programas para desenvolvimento de pessoas;
3. Liderança baseada na Igreja para liderança baseada no Reino.

"Para esses líderes missionais, a igreja deixou de ser internamente ocupada para ser focalizada externamente, de concentração primária na sua manutenção institucional para desenvolvimento de uma influência incarnacional", segundo McNeal. "Esses líderes pensam mais em impacto no reino do que crescimento da igreja."

pr.Bob Erickson
-------------------------------------------------------------------------------------------------

Meu Rei

Sim, este é o meu REI.

Este é o Rei que a Igreja do Nazareno proclama desejando que Ele seja conhecido pessoalmente por todos.

Interrogo-me: já O conhece? Se não, queira conhecê-LO.

video